TRE Tocantins multa Amastha em R$ 5 mil por vídeo ofensivo contra Cinthia Ribeiro

Cinthia era vice-prefeita de Amastha, mas tornou-se prefeita quando ele renunciou para concorrer, sem sucesso, ao governo do estado

O Tribunal Regional Eleitoral no Tocantins (TRE-TO) aceitou o recurso eleitoral da Coligação Palmas Só Melhora! e multou o ex-prefeito Carlos Amastha, o candidato a prefeito Tiago Amastha Andrino e a candidata a vereadora Liliane Bezerra de Sousa ao pagamento de multa individual de R$ 5 mil. O TRE-TO reconheceu que os três praticaram propaganda eleitoral negativa antecipada.

Amastha postou um vídeo em suas redes sociais - Facebook, Instagram e Twitter - em 13 de setembro, onde narra sua frustração chamando a Prefeita Cinthia Ribeiro de "alguém tão falso e tão traidor". Para a Justiça Eleitoral, o conteúdo e legenda publicados deixam claro que se trata da campanha eleitoral 2020 para a Prefeitura de Palmas. Já Tiago e Liliane compartilharam a postagem em seus perfis nas redes sociais.

O TRE-TO detalha que a postagem não pede voto, mas recomenda aos eleitores que não votem na Prefeita Cinthia, pois utiliza expressões com o objetivo de macular a honra da então pré-candidata à reeleição. O TRE-TO ainda determinou ao Facebook e Twitter que façam a retirada das postagens sob pena de multa diária no valor de R$ 500,00.

FAÇA SEU COMENTÁRIO