Dia das Mães deve movimentar comércio de vestuário, perfumes e acessórios

A compra de vestuário será o principal foco dos consumidores.

A segunda maior data comemorativa para o comércio, o Dia das Mães deve movimentar lojas de rua, shoppings e lojas virtuais com as vendas de vestuário, perfumes e cosméticos e acessórios. A informação é da pesquisa que mede a Expectativa de Consumo para o Dia das Mães, realizada pelo Instituto Fecomércio Tocantins e Escritório Modelo de Economia da Universidade Federal do Tocantins (UFT), que colheram 1.196 entrevistas em Palmas, Araguaína e Gurupi.

A compra de vestuário será o principal foco dos consumidores palmenses (24,8%), araguainenses (30,5%) e gurupienses (33,1%). “Datas comemorativas como esta despertam para o consumo de produtos úteis, que serão usados por médio ou longo período. Isso tem sido percebido ao longo dos anos em que realizamos essa pequisa”, explica o presidente do Sistema Fecomércio Tocantins, Itelvino Pisoni.

Em Palmas, 40% dos entrevistados pretendem comprar presentes para suas mães. Do total, 26,6% irão gastar até R$ 50; 26,6% entre R$ 100,01 e R$ 150,00; e 21,5% entre R$ 50,01 e R$ 100,00. As formas de pagamento preferidas pelos consumidores são respectivamente, dinheiro em espécie (74,5%), cartão de débito (8,1%) e cartão de crédito (6,2%). Antes da compra, o palmense pretende avaliar o atendimento (30,8%), as promoções (19,2%) e o desconto (17,4%). Os locais escolhidos para compra serão comércio de rua (53,9%), shoppings centers (37,8%) e Internet (4,4%).

Na cidade de Araguaína, 56,4% afirmaram que irão comprar presentes para esta data comemorativa. Lá, os lugares mais procurados para a aquisição de presentes para as mães serão o comércio de rua (58,7%) e Internet (12,9%). Com relação ao valor estimado para a compra do presente, 28,9% responderam que gastarão entre R$ 100,01 e R$ 150,00 e a forma de pagamento mais comum será em dinheiro (42,7%). Dentre os itens decisivos para compra, estão o desconto no preço (27,5%) e o atendimento (23,2%).

Já em Gurupi, 65,7% das pessoas que responderam o questionário disseram ter a intenção de comprar nesse período. Entre os locais para a compra desses presentes estão comércio de rua (81,3%) e shopping/camelódromo (16,8%). Grande parte dos entrevistados (33,8%) afirmou que a média a ser gasta no dia das mães é de R$100,01 a R$150,00. As principais formas de pagamento serão com dinheiro em espécie (72,6%) e cartão da loja (12,4%). Entre os atrativos na hora de chamar a atenção do cliente estão o desconto no preço, com 34,7%, seguido de atendimento, com 29,1%, e propaganda, com 20,9%.

No geral, as pessoas entrevistadas nas três cidades pretendem comprar de um a dois presentes este ano e disseram que consumiram na data comemorativa no mesmo período em 2016. Além das mães, as avós, esposas/companheiras, sogras e tias devem ser presenteadas.

FAÇA SEU COMENTÁRIO