Obras de drenagem na cratera do Detran, em Araguaína, devem ser concluídas até maio

Obras de reparo da erosão, também conhecida como cratera do Detran, em Araguaína.

As obras de reparo da erosão, também conhecida como cratera do Detran, em Araguaína, seguem em ritmo acelerado e devem ser finalizadas até o início de maio.

O buraco, que fica às margens da TO-222, no perímetro urbano da cidade, era um problema antigo para os moradores da região e está sendo solucionado por meio de uma obra de macrodrenagem. O investimento é de  R$ 3,5 milhões.

No local está sendo construído um sistema de drenagem composto por complexas galerias capazes de absorver grandes volumes de água. A obra é realizada pela Construtora Jurema e financiada pelo Banco Mundial via Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS).

Segundo o presidente da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), Virgílio Azevedo, todo o sistema foi projetado para diminuir o impacto das chuvas e acabar com os problemas de erosão de forma definitiva. “ As galerias serão capazes de abrigar a água, diminuindo seu poder de destruição e levando-as a desaguar no córrego Baixa Funda, que faz parte da bacia do rio Lontra”, explicou.

Segundo levantamento da Ageto, 78% da obra já foi realizada. Todo o sistema é composto por 260 metros de galerias e 90 metros de bueiros. Depois de finalizado o sistema de escoamento, será construído o aterro do local, que também receberá asfalto e sinalização. Isso possibilitará a retomada do tráfego no trecho da rodovia.

As obras irão impactar diretamente os moradores da região central de Araguaína, e dos bairros Vila Ribeiro, setor Tocantins, Patrocínio e Ana Maria. Além disso, a segurança dos motoristas que utilizam a rodovia será garantida.

FAÇA SEU COMENTÁRIO