Adolescentes do sistema socioeducativo produzem os próprios ovos de páscoa durante oficina

Socioeducandos participam de oficina e produzem ovos de páscoa.

confecção de ovos de páscoa. A iniciativa tem o intuito de promover um momento de reflexão sobre o que representa a páscoa, assim gerando uma nova perspectiva de vida, além de vivenciarem um momento lúdico e se profissionalizarem.

As oficinas de produção de ovos de páscoa aconteceram nesta terça-feira, 9, com adolescentes do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) do Centro de Internação Provisória Central (Ceip) na Escola Estadual Mundo Sócio do Saber que fica dentro do Case em Palmas, e também com os adolescentes da Unidade de Semiliberdade Sul (USL Masculina) em Gurupi.

O diretor do Case, Dariêx Amadceno Carneiro Maia, conta que atividades como a da oficina buscam celebrar a páscoa com foco no desenvolvimento dos saberes dos adolescentes. “A oficina foca na importância da celebração da páscoa, aumentando o conhecimento bíblico dos adolescentes e fazendo-os enxergar que é possível ter uma vida melhor. Além de ensinar uma atividade geradora de renda”, destacou.

A diretora da Escola Estadual Mundo Sócio do Saber, Valdenisce Ramos de Araújo, conta que a oficina tem a finalidade de celebrar a data cristã, de estimular os adolescentes a pensar sobre o significado da mesma e de ensiná-los a confeccionar o próprio ovo de páscoa. “Eles ficam muito felizes com esse momento da oficina, isso é um despertar deles”, exaltou.

Novas experiências

As oficinas promovem autoconhecimento e conhecimento aos adolescentes, que vêem na atividade uma nova forma de viver, adquirir experiência e também de obter renda. “A gente ta aprendendo coisa nova, já muda a cabeça da gente, isso é uma experiência, para chegar lá fora e fazer pra um evento da família, conseguir trabalhar [sic]”, relata o adolescente P. L. V. R de 17 anos

FAÇA SEU COMENTÁRIO