Comemorações e decoração da Páscoa Cidade Encantada continuam até dia 28

“Eu gosto muito do coelhinho da Páscoa, segui as pegadas e encontrei dois ovos”, disse Lis Lala, 5 anos.

“Eu gosto muito do coelhinho da Páscoa, segui as pegadas e encontrei dois ovos”, disse Lis Lala, 5 anos, durante visita ao Parque Cesamar na noite de domingo, 21, durante as celebrações da ressurreição de Cristo que será estendida até dia 28, com a decoração temática tanto no Parque como por toda a cidade.

Segundo o presidente da Fundação Cultural de Palmas (FCP), Giovanni Assis, a gestão se surpreendeu com a quantidade de turistas que vieram visitar a cidade, movimentando a economia dos feirantes e microempreendedores participantes da Vila Gastronômica instalada no Cesamar. “O movimento nesses cinco dias de evento foi muito grande e resolvemos atender às solicitações dos microempreendedores e prolongar as celebrações por mais uma semana para que todos aproveitem os bons gracejos da Páscoa”, disse.

Economia

Pela primeira vez a microempreendedora Margarida de Alencar Lima participou da Vila Gastronômica e destacou que ficou surpresa com o movimento e com as vendas. “Essa renda extra representa muito na minha vida e por isso agradeço a oportunidade de está aqui com toda a minha família”, disse lembrando que trabalhou durante esses dias com cinco filhos, cinco netos, uma nora e com o apoio integral da Prefeitura de Palmas.

A presidente dos microempreendedores do Parque Cesamar, Cristiane Lima Pinheiro, destacou que a parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Emprego (Sedem) deu oportunidade tanto para aqueles que trabalham permanentemente no Cesamar, quanto para o pessoal da Vila Gastronômica instalada no local em função da Páscoa.

A titular da Sedem, Adriana Lima, disse que Vila Gastronômica trouxe oportunidades para que os microempreendedores individuais pudessem trazer o que tem de melhor e também divulgar os locais em que eles ficam nos outros dias da semana. “Tivemos ambulantes que ampliaram seu faturamento em até mil por cento e geraram empregos, com até dez contratações por estande, fortalecendo a economia local e fazendo o dinheiro circular dentro do nosso município, concluiu a secretária.

Domingo de Páscoa

Quatro apresentações marcaram o domingo da Páscoa Cidade Encantada, no Parque Cesamar. A noite contou com a participação do Grupo Instrumental Taquarussu – Jazz Brasileiro, e a Orquestra de Cordas da ETI Monsenhor Pedro Piagem. Em seguida, a banda de música do Centro Esportivo Militar do Corpo de Bombeiros Professora Margarida Lemos de Palmas (Cemil) e o ponto de cultura Sombras do Hip Hop, se apresentaram.

Além disso, a Páscoa Cidade Encantada concentrada no Parque Cesamar desde o último dia 17, ofereceu aos visitantes a Aldeia da Páscoa e teve brincadeiras e animação do palhaço Batatinha e sua Trupe, grupos de danças e bandas das escolas municipais e da Guarda Metropolitana de Palmas.

FAÇA SEU COMENTÁRIO