PALMAS

BRASIL

SP: ViaMobilidade volta a ser multada por descumprimento de contrato

Publicado em

BRASIL

A Secretaria de Transportes Metropolitanos (STM) de São Paulo multou a ViaMobilidade, responsável pela operação e manutenção das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda de trens metropolitanos em mais R$3,6 milhões. Com isso, o total de penalidades por não cumprimento contratual é de R$ 7,9 milhões.

Segundo a STM, o contrato de concessão inclui uma série de obrigações e deveres para garantir o desempenho no setor que, quando não são cumpridos, implicam aplicação de penalidades. Em março deste ano, a STM já havia multado o consórcio em R$ 4,3 milhões, após a instauração de processos administrativos sancionadores, devido ao descumprimento de procedimentos operacionais e da interrupção da prestação do serviço. A concessionária apresentou defesa dentro do prazo estipulado, que está sendo analisada pela secretaria.

“Agora, reincidentes episódios de falhas, denominados incidentes notáveis, passaram por análise administrativa na STM e geraram as novas multas à ViaMobilidade. Alguns exemplos de falhas são a abertura de portas do lado contrário à plataforma, desrespeito à sinalização de via e questões contratuais relacionadas à operação”, informou a STM por meio de nota. Só neste ano foram registradas 28 falhas nas linhas.

Leia Também:  PRF registra apreensão recorde de cocaína em 2021

A concessão para a ViaMobilidade foi iniciada de forma compartilhada com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) em 27 de dezembro de 2021 e integralmente com a concessionária a partir de 27 de janeiro de 2022. A concessão é de 30 anos, prevê investimentos de R$ 3,8 bilhões, entre os quais, a compra de 36 trens novos.

A ViaMobilidade foi procurada, mas não respondeu aos questionamentos.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

No DF, homem atropela cinco crianças; três estão em estado grave

Publicados

em

Na tarde deste domingo (22), cinco crianças, com idades entre 5 e 10 anos, foram atropeladas, enquanto andavam por uma calçada, na cidade de Ceilândia, distante 30 quilômetros (km) da região central de Brasília.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, elas foram atendidas por equipes do Samu e encaminhadas ao Hospital Regional de Ceilândia (HRC), três delas em estado grave e outras duas apenas com escoriações.

De acordo com testemunhas, o motorista responsável por provocar o acidente dirigia um fox branco e fugiu do local sem prestar socorro às vítimas.

O homem acabou detido pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e encaminhando a 15ª Delegacia de Polícia em Ceilândia. Até o fechamento desta reportagem ainda não havia informações sobre se motorista dirigia embriagado.

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Força-tarefa demole 19 imóveis irregulares em Rio das Pedras, no RJ
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA