PALMAS

CIDADES

IML descarta suspeita de morte de banhista por ataque de jacaré

Não procede os exames realizados no material orgânico e ósseos encontrados no interior do jacaré, suspeito de atacar e matar um banhista na região urbana de Araguacema.

Publicado em

Com a aproximação da temporada de praias no Tocantins, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), esclarece que exames realizados na matéria orgânica e nos fragmentos ósseos encontrados no interior do jacaré-açu, suspeito de atacar e matar um banhista na região urbana de Araguacema, não procede. O descarte da suspeita ocorreu após o Instituto de Medicina Legal do Tocantins (IML) ter divulgado a realização de exames anatomopatológico e antropológico definitivos.

 

Segundo o perito médico legista, Jorge Pereira Guardiola, diretor do IML, após a realização dos dois exames não há necessidade do exame de DNA por não se tratar de material humano.  “No exame microscópico, inclusive a medula óssea foi examinada. Para chegar ao resultado final, o material ósseo foi submetido à descalcificação em meio ácido e laminados, corados com Hematoxilina (HE)/Eosina e analisados sobre microscopia óptica”, explicou o perito, ressaltando que, mesmo durante o exame macroscópico, feito no mês de abril pelo Instituto, a coloração e a textura da pele, comparada com material humano, já indicava a desnecessidade do exame de DNA.

Leia Também:  Maio Amarelo será lançado em Palmas nesta terça-feira, 02

 

Diante do laudo do IML, o Naturatins tranquiliza os turistas que irão frequentar as praias do Rio Araguaia que se formam no município de Araguacema e reforça a atenção e cuidados que os visitantes devem ter por ocasião da temporada de férias, quando o local é bem frequentado. De acordo com a médica veterinária e supervisora de fauna do Naturatins, Grasiela Pacheco, em caso de suspeitas de ataques por animais silvestres, à comunidade deve solicitar o auxílio do Instituto e aguardar resultados da averiguação técnica, informou.

 

 A supervisora alerta que reincidência de casos de mortes por retaliação está sendo observada e registrada. “A fauna silvestre mantém um papel importante no equilíbrio da cadeia alimentar e promove o controle populacional entre as espécies, evitando que a superpopulação de um único tipo se torne praga e promova um descontrole no ecossistema, como os casos de piranha”, disse a supervisora.

 

Já o engenheiro ambiental e diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas do Instituto, Maurício Araújo, destacou que matar animais silvestres é crime. E ressaltou que apesar do animal geralmente se afastar com a movimentação em águas rasas, as pessoas não deve se descuidar. “A maioria das pessoas já sabem, que é importante não incentivar a aproximação do animal, evitando jogar restos de comida nas proximidades de locais de banhos. Também é importante evitar mergulhos em águas profundas e especialmente em locais com pouca movimentação, em períodos próximos ao anoitecer”, orientou o diretor.

Leia Também:  Casa de Apoio recebe mais de 230 mil hóspedes desde a inauguração

 

Jacaré-açu

A suspeita de ataque a Rogério Marques de Oliveira, de 41 anos, aconteceu no último mês de abril. O material examinado pelo IML foi encontrado na barriga de um jacaré-açu, por parentes do homem desaparecido dias antes, na região de Araguacema. Até então, os familiares acreditavam que os restos fossem parte do corpo do familiar.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

CIDADES

Com recurso do Estado do Tocantins, prefeitura de Dianópolis realiza obras de infraestrutura no município

Published

on

O Programa de Fortalecimento da Economia e Geração de Emprego segue promovendo melhorias na infraestrutura no Tocantins. Os 139 municípios do Estado estão em constante desenvolvimento e os investimentos provenientes do Programa, são destinados para obras estruturantes de zonas urbanas e rurais.

O município de Dianópolis já recebeu a primeira parcela do investimento no valor de R$ 666 mil. A verba será destinada para pavimentação de vias urbanas nos setores Nova Cidade e Santa Luzia. De acordo com o prefeito de Dianópolis, José Salomão Jacobina Aires, o projeto possui grande importância para o desenvolvimento da região. “Os recursos recebidos neste momento estão sendo destinados para a pavimentação de cerca de 27 ruas com 28 mil metros de asfalto. Isso além de ser um impacto positivo para a gestão também promove o bem-estar da população, que é uma das nossas grandes prioridades”, ressalta.

Uma das principais cidades da região sudeste do Estado e com uma população de quase 22 mil habitantes, a cidade vem crescendo cada vez mais com o investimento em infraestrutura, melhorando a qualidade de vida da população. “Dianópolis é palco de vários pontos turísticos e uma cidade em pleno desenvolvimento. A pavimentação das vias urbanas é uma demanda reprimida por muito tempo, agora com a parceria entre Estado do Tocantins e os municípios, ajudará na construção dos asfaltos, promovendo qualidade de vida para a comunidade e turistas”, completa o gestor.

Leia Também:  MPTO recomenda que Araguaína inclua grupos no plano de vacinação e acelere imunização

Ainda de acordo com o gestor, o crescimento econômico e populacional dos municípios está associado a vários fatores e principalmente à infraestrutura local.

Até o momento foram investidos R$ 277 milhões distribuídos aos 139 municípios do Tocantins. Os recursos estão sendo aplicados em obras de infraestrutura local, como pavimentação de vias públicas, complexos poliesportivos, praças, parques, pontes, bueiros, ciclovias e centro de lazer.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA