PALMAS

CULTURA

Jogos Tradicionais dos Povos Krahô iniciam nesta quarta em Itacajá

O evento busca fortalecer a cultura dos povos. A cerimônia oficial de abertura está prevista para as 16h desta quarta-feira.

Publicado em

A Aldeia Manoel Alves, localizada em Itacajá, a 295 Km da Capital, será palco, mais uma vez, dos Jogos Tradicionais dos Povos Krahô. Em sua terceira edição, o evento, que acontecerá de 17 a 22 de agosto, busca fortalecer a cultura dos povos. Aproximadamente 200 indígenas de 24 aldeias participam do evento. Além dos Krahô de Itacajá são esperados para os jogos os Krahô kanela de Lagoa da Confusão.

 

A cerimônia oficial de abertura está prevista para as 16h desta quarta-feira. Às 18h haverá o acendimento do fogo ancestral indígena e discursos das lideranças Krahô.

 

Além das atrações culturais, nos seis dias de competição serão disputadas as seguintes modalidades: futebol de campo masculino e feminino, arco e flecha, corrida de tora masculino e feminino, tiro ao alvo, tiro livre sobre o chão e sobre a palha.

 

Para a secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), professora Wanessa Sechim, “reconhecer e preservar as organizações dos povos indígenas é um direito constitucional, e nosso dever enquanto nação. Durante os jogos todos participam, os mais velhos como orientadores tradicionais, transmitindo as experiências, já os jovens, além de aprender, se destacam no atletismo”, disse.

Leia Também:  Exposição de artista mineiro com inovação na técnica e cores pode ser conferida até esta quarta-feira, 08

 

De acordo com a gerente de Desenvolvimento da Educação Indígena, Cleide Araujo Barbosa, neste ano, a Seduc é parceira dos jogos, mas a partir de 2017 a disputa fará parte do calendário letivo das escolas indígenas. “Este tipo de evento contribui com os objetivos da Educação Escolar Indígena, que é preservar os costumes e tradições, bem como reafirmar suas identidades enquanto povo”, disse.

 

A programação contará ainda, além das competições esportivas, com apresentações culturais nos dias 18,19 e 20 e desfile da Garota dos Jogos Krahô no domingo, 21.

 

Cultura Indígena

No Tocantins, os povos Krahô têm uma população estimada em três mil pessoas distribuídas em 28 aldeias. A corrida de tora é a riqueza cultural e esportiva mais presente entre os Krahô e representa a força e o vigor de mulheres e homens.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

CULTURA

Raksha Bandhan: festival indiano que promove a pureza humana chega ao Brasil

Published

on

O festival de Raksha Bandhan, ou Rakhi, é celebrado na Índia há milênios, sempre no mês de agosto. Considerado um símbolo da pureza interna nas relações humanas, a celebração da data tem por objetivo promover a abstenção de vícios e a prática de ações puras e virtuosas.

Dentre os costumes relacionados à data, está o uso do rakhi, um fio que pode ser amarrado no pulso tanto por sacerdotes quanto por irmãs de sangue. Em tempos antigos, era comum que sacerdotes Brahmins visitassem as casas de sua região e amarrassem o fio sagrado no pulso das pessoas, conferindo-lhes proteção. O hábito, segundo a tradição, afastava a negatividade e os maus atos.

A simbologia do Raksha Bandhan toca em valores humanos universais, como a pureza e a virtude. Anualmente, a ONG Brahma Kumaris (BK) celebra estes e outros valores durante o festival. A BK é um movimento espiritual dedicado à transformação pessoal e à aplicação prática de valores positivos.

A ONG, que tem sedes espalhadas por todo o território nacional, criou um calendário de eventos presenciais públicos em celebração ao festival:

GRAVATÁ/PE

13/08 – 17h

Raksha Bandhan – No toldo do amor da proteção de Deus

Local: Condomínio Nossa Senhora Rainha da Paz – Salão de Festas

Leia Também:  Exposição de Solange Alves pode ser visitada na Galeria Municipal de Artes

Rua Maria Auxiliadora, S/N – Gravatá/PE

 

SÃO PAULO/SP

18/08 – 18h: meditação; 18h30: programa

Raksha Bandhan – O vínculo de amor e proteção

Com a participação especial de Gopi Patel

Local: Sede da Brahma Kumaris em São Paulo

Rua Dona Germaine Burchard, 589 – Perdizes

 

SERRA NEGRA/SP

21/08 – 16h

Raksha Bandhan – O elo de amor e proteção

Com a participação especial de Gopi Patel

Local: Sede da Brahma Kumaris em Serra Negra – Vila Serra Serena

Rodovia SP-360 Km 155 (entre Serra Negra e Lindoia)

 

FLORIANÓPOLIS/SC

21/08 – 18h

Raksha Bandhan – Festival indiano da fraternidade

Local: Sede da Brahma Kumaris em Florianópolis

Rua Fernando Ferreira de Mello, 41 – Abraão

 

FORTALEZA/CE

21/08 – 17h

Raksha Bandhan – O compromisso de amor com Deus

Local: Sede da Brahma Kumaris em Fortaleza

Rua Gonçalves Lêdo, 1438 – Centro

 

LIMEIRA/SP

23/08 – 19h

Raksha Bandhan – Conectar com nossa pureza para servir ao mundo

Com a participação especial de Gopi Patel

Local: Sede da Brahma Kumaris em Limeira

Leia Também:  Cine Cultura lança o filme ‘Te Aitua: a retomada da essência’ neste sábado

Rua Deputado Otávio Lopes, 291 – Centro

 

PIRACICABA/SP

28/08 – 17h

Raksha Bandhan – Celebrando a realeza da pureza e o vínculo do amor

Local: Sede da Brahma Kumaris em Piracicaba

Rua João de Oliveira Algodoal, 84 – Bairro: Jardim Elite

 

PORTO ALEGRE/RS

28/08 – 17h30: meditação; 18h: palestra e celebração

Raksha Bandhan – Pureza, proteção e paz

Local: Sede da Brahma Kumaris em Porto Alegre

Rua Ferreira Viana 812 – Bairro: Petrópolis

SALVADOR/BA

29/08 – 19h

Festival de Raksha Bandhan

Com a participação especial de Gopi Patel

Local: Teatro Jorge Amado

Av. Manoel Dias da Silva, 2177 – Bairro: Pituba

 

Além dos encontros presenciais, haverá também um evento online sobre o festival, conduzido por Gopi Patel, liderança internacional da Brahma Kumaris. A ação está prevista para o dia 21 de agosto, às 18h30, e será transmitida pelo canal da Brahma Kumaris Brasil no YouTube.

Neste mesmo mês de agosto, a ONG disponibilizará diversos conteúdos ao vivo e gratuitos em celebração ao Dia dos Pais. É possível conferir tudo isso e muito mais no site https://brahmakumaris.org.br/ e no Instagram @brahmakumarisbrasil.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA