PALMAS

ECONOMIA

Mais de 90% dos empresários pretendem comprar loteamentos para produção imobiliária

Facilidade na compra, investimento e novos hábitos de moradia estão entre os pontos de escolha.

Publicado em

ECONOMIA

A perspectiva para o setor imobiliário em 2021 é manter o crescimento e oferecer um volume de negócios surpreendente. De acordo com levantamento da Associação Brasileira das Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), o mercado imobiliário se mantém aquecido em 2021. A pesquisa realizada em setembro de 2020 mostra que 97% dos empresários pretendem lançar novos projetos nos próximos 12 meses; e 92% comprará terrenos para produção imobiliária. (continua abaixo)

Para o diretor da Buriti Empreendimentos (TO), Adriano de Lacerda, com o isolamento social e a nova rotina, o conceito de novos hábitos de investimento também mudou e comprar um lote é uma forma de garantir segurança para quem planeja a médio e longo prazo, devido ao forte potencial de valorização.

“A compra de lotes vem sendo facilitada na região. É preciso entender que o estilo de vida e moradia segue uma modernização. O sonho de construir a casa própria está mais perto do que nunca, na busca de imóveis que permitam aliar diferentes atividades dentro do lar, principalmente, a tendência de escritório dentro de casa”, explicou. Com essa nova relação com o lar, o mercado sinaliza uma tendência para um espaço maior, mais confortável, continuando com o trabalho em sua própria residência.

Leia Também:  FIETO realiza coletiva de imprensa para apresentar Instituto Amazônia + 21

Perspectivas

De acordo com o presidente da Associação das Empresas Loteadoras do Tocantins (AELO- TO), Pablo Castelhano Teixeira, é preciso casar fatores como praticidade, modernidade e conforto. “Com a queda das taxas, o mercado aquecido, as perspectivas são otimistas já que as pessoas estão em busca de ambientes que tragam a sensação de pertencimento, família, tornando o momento ideal para investimento no mercado imobiliário”, destacou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Sebrae e Faciet inauguram sala em nova sede da Fecomércio

Publicados

em

Foi inaugurado ontem, 26 de novembro, na nova sede da Fecomércio, um espaço destinado ao atendimento das entidades parceiras: Sebrae e Faciet. A inauguração contou com a presença de várias autoridades, dentre elas, o secretário de Comércio, Indústria e Serviços, Carlos Humberto Lima, e representantes de entidades ligadas ao setor de Comércio. O ponto de atendimento será voltado ao atendimento dos empresários e investidores que pretendem empreender no estado.

O objetivo desta cessão segundo o presidente da Fecomércio Tocantins, Itelvino Pisoni, é fomentar o setor e principalmente, oferecer mais um serviço dentro da nova sede. “Estamos muito felizes por mais uma parceria com estas entidades. Ações como essa só somam e trazem benefícios, não somente para as instituições, como para os empresários na ponta. Com este novo prédio, nosso intuito é trazer ainda mais benefícios para o nosso empresariado, que pode encontrar na sua casa, diversos serviços. Este será só mais um deles”, afirmou.

O espaço está localizado no andar térreo da nova sede da Fecomércio Tocantins que é situada na 101 Norte, Av. Teotônio Segurado, Conjunto 1, Lote 2 (entre o Hotel 10 e Hotel Ibis Styles).

Leia Também:  BRK Ambiental e SENAI oferecem mais de 300 vagas para cursos gratuitos

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA