PALMAS

ESPORTES

Sampaio amassa o Sport em goleada no Castelão

Publicado em

E

m noite de amplo domínio no Estádio Castelão, o Sampaio Corrêa goleou o Sport por 4×1 e subiu para o quinto lugar na tabela do Campeonato Brasileiro da Série B.

A vitória boliviana começou a ser construída no primeiro tempo, com gols de Gabriel Poveda e Ygor Catatau. Na etapa final, o Sport chegou a ameaçar uma reação, aos cinco minutos, mas a Bolívia não se intimidou e marcou outras duas vezes. Poveda fez o terceiro de pênalti e Rafael Costa fechou a contagem com um disparo de fora da área.

O JOGO

O Sampaio tomou conta das ações do primeiro tempo desde os primeiros movimentos. Aos cinco minutos, Pimentinha tramou pela esquerda e cruzou na medida para Poveda abrir o placar de cabeça.

O Sport não esboçou reação, e a Bolívia seguia controlando o confronto, sem forçar muito o ritmo. André Luiz quase aumenta o marcador em arremate de fora da área, mas a bola raspou o travessão.

Aos 36 minutos, a equipe Tricolor definiu o resultado da etapa inicial. Rafael Vila cobrou o escanteio e Ygor Catatau subiu mais do que a defesa do Sport para marcar o segundo gol da Bolívia no Castelão. Cabeçada indefensável.

Leia Também:  Grêmio vence Tombense por 3 a 0 e abre vantagem no G4 da série B

O Sport retornou com as linhas mais avançadas, mas o Sampaio que quase marca o terceiro em lance de contra-ataque, que resultou em finalização de Ferreira por cima do travessão.

Em falta cobrada na lateral esquerda, os visitantes conseguiram diminuir após desvio de cabeça, aos cinco minutos.

O Sampaio tentou dar a resposta rápida, e Catatau quase aumenta após cobrança de escanteio. A cabeçada passou perigosamente perto do gol.

Sem se afetar com o entusiasmo do Sport, o Sampaio se mantinha sólido em campo, e armou a armadilha para matar o jogo. Mateusinho puxou o contra-ataque, tabelou com Poveda e foi derrubado dentro da área. Penalidade marcada, cobrada pelo artilheiro Poveda, que não desperdiçou.

O terceiro gol da Bolívia jogou o Sport totalmente nas cordas, e o time pernambucano só torceu para a partida chegar ao fim, mas ainda viu Rafael Costa marcar o quarto gol, com uma batida de fora da área, e fechar a conta no Castelão.

A Bolívia Querida volta a campo na próxima sexta-feira para enfrentar o Tombense, às 21h30, no Estádio Soares de Azevedo.

Leia Também:  Vila Nova bate o Náutico e vence a primeira na serie B

Ficha Tricolor

Gabriel Batista, Mateusinho, Allan Godoi (Joécio), Nilson Jr e Pará; André Luiz (Lucas Araújo), Ferreira e Rafael Vila; Ygor Catatau (Nadson), Pimentinha (Renatinho) e Poveda (Rafael Costa).

fonte: https://www.sampaiocorreafc.com.br/impiedoso/

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

ESPORTES

Mengão vence Athletico-PR, com golaço de Pedro e garante vaga na semifinal da Copa do Brasil

Published

on

O Flamengo foi até a Arena da Baixada e venceu o Athletico-PR por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (17,08) e avançou para as semifinais da Copa do Brasil.

O gol do Mengão foi marcado por Pedro, no início do segundo tempo. Agora, o Rubro-Negro aguarda seu adversário, que sairá do confronto entre São Paulo e América-MG.

O jogo

O Flamengo começou a partida tomando a iniciativa de ficar com a bola, trocando passes no campo ofensivo. Aos seis minutos, o Mais Querido criou a primeira boa oportunidade. Arrascaeta dominou na intermediária, limpou a jogada e bateu para o gol. A bola passou por cima do travessão.

O Athletico parava o jogo com muitas faltas, dificultando a saída de bola do Fla. Na reta final da primeira etapa, o time rubro-negro voltou a crescer na partida e ocupava o campo de ataque em busca de espaços na defesa paranaense. Aos 38’, Everton Ribeiro lançou Gabigol pela direita, o atacante cruzou na área e Arrascaeta cabeceou para fora.

Aos 41’, Arrascaeta ajeitou para Gabigol soltar a bomba de canhota. Bento espalmou para escanteio. O Flamengo foi melhor na etapa inicial, porém o placar não saiu do zero.

Leia Também:  Arturo Vidal é o mais novo reforço do Flamengo

O segundo tempo começou com o mesmo panorama do primeiro: o Flamengo dominando as ações e o Athletico fechado atrás esperando para descer no contra-ataque. Aos 6’, Rodinei recebeu de Everton Ribeiro e bateu cruzado. Bento deu rebote para o meio da área e Fernandinho fez o corte.

De tanto insistir, o Mengão abriu o placar com um golaço! Rodinei foi na linha de fundo e cruzou na pequena área. Pedro apareceu livre para emendar uma linda bicicleta, sem chances para o goleiro: 0 a 1.

Após o gol, o Athletico passou a sair mais para o ataque, deixando o jogo mais aberto. Aos 29’, Pedro arrancou em velocidade, ficou cara a cara com o goleiro e rolou para Gabi, que chutou na trave. Ótima oportunidade desperdiçada.

Nos minutos finais, o Athletico pressionou em busca do empate, mas o Fla conseguiu se segurar e saiu de campo com a vitória e a classificação garantida para a semifinal.

Próximo compromisso

O Mais Querido volta a campo no domingo (21) para enfrentar o Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Leia Também:  Goleada no encontro dos craques!

FICHA TÉCNICA: 

ATHLETICO-PR 0 x 1 FLAMENGO

Competição: Copa do Brasil – jogo de volta das quartas de final

Data e hora: 17 de agosto de 2022 (quarta-feira), às 21h30 (de Brasília)

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)

Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Neuza Ines Back (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Cartões amarelos: Terans, Fernandinho, Hugo Moura (ATH); João Gomes (FLA) Gol: Pedro, aos 11 minutos do primeiro tempo (FLA)

ATHLETICO: Bento; Matheus Felipe (Cuello), Thiago Heleno e Pedro Henrique; Khellven, Erick, Hugo Moura (Vitor Bueno), Fernandinho e Abner; Terans (Vitinho) e Pablo (Canobbio). Técnico: Luiz Felipe Scolari

FLAMENGO: Santos, Rodinei, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Filipe Luís; João Gomes, Vidal (Victor Hugo), Arrascaeta (Diego) e Everton Ribeiro (Pablo); Gabigol (Everton Cebolinha) e Pedro (Lázaro). Técnico: Dorival Júnior.

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA