PALMAS

Estado

Comunidade Quilombola recebe informações sobre programas sociais

Na reunião foram explicadas a importância de manter o Cadastro Único atualizado e destacado que a população quilombola é um dos grupos prioritários para Programas Sociais do Governo.

Publicado em

A equipe de técnicos da Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) que está na região do Jalapão se reuniu na manhã desta quinta-feira, 7, com os moradores da Comunidade Quilombola do Prata para tirar dúvidas e ouvir demandas da população sobre o Cartão do Idoso, Cadastro Único e Programa Bolsa Família (PBF).

 

As famílias foram convidadas a participar da reunião pelas técnicas da Setas que passaram de casa em casa na tarde desta quarta-feira, 6. Na reunião foram explicadas a importância de manter o Cadastro Único atualizado e destacado que a população quilombola é um dos grupos prioritários  para Programas Sociais do Governo. “Tem que estar cadastrado para receber os benefícios e, por meio desses dados, o Governo sabe quais as políticas públicas mais adequadas e pode até estudar novos programas para beneficiar a população quilombola”, explicou a técnica dos Sistemas do Cadastro Único e do PBF, Rosane Voltolini.

 

A população aproveitou o momento para tirar dúvidas sobre direitos e obrigações dos PBF. A beneficiária Amélia Souza, 37 anos, é mãe de 5 filhos e disse ter gostado da reunião pois já teve seu benefício bloqueado uma vez. “O Bolsa Família me ajuda a fazer a feirinha todo mês. Não vivo dele, mas é um auxílio muito bom. A reunião foi ótima porque às vezes temos  problemas por falta de informação e agora eu tirei todas as minhas dúvidas”, comentou.

Leia Também:  Tocantins recebe investimento para produção de arroz

 

Cartão do Idoso também foi um dos temas abordados pela equipe. Seu Olivero Souza, 78 anos, estava ansioso para saber sobre a utilização do cartão que garante duas vagas gratuitas para viagens intermunicipais. “Agora eu sei que se as duas vagas gratuitas já estiverem ocupadas, tenho direito de pagar metade da passagem. Como aprendi meus direitos, vou renovar o meu cartão, que está vencido”, afirmou.

 

Geração de Renda

Além dos esclarecimentos sobre os programas sociais a Setas também está aproveitando a movimentação da 3ª Festa da Rapadura que acontece na comunidade nesta sexta e sábado para realizar cursos de geração de renda com a população. Nesta quinta serão ministrados cursos de doces do cerrado e panificação. Os cursos são ofertados pelo Projeto Apoiando e Acreditando nas Famílias do Estado do Tocantins (Aafeto) em parceria com a ONG Moradia e Cidadania.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Estado

Estado do Tocantins garante liberação imediata de R$ 50 milhões com o BRB para nova ponte de Porto Nacional

Published

on

Já estão disponíveis os recursos no valor de R$ 50 milhões, que foram liberados pelo Banco de Brasília (BRB) ao Estado do Tocantins para continuidade das obras na ponte em Porto Nacional. A liberação ocorreu mediante a apresentação de toda a documentação exigida referente à medição das obras por parte da comitiva do Tocantins ao BRB, nessa terça-feira, 16, em Brasília (DF), na sede do banco.

O secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), Júlio Edstron, explica que a liberação de recursos como este pleiteado com o BRB é um processo. “Fizemos a medição e entregamos toda a documentação. As obras não foram paralisadas e seguirão o fluxo normal, viabilizadas pelo aporte repassado por nosso parceiro financeiro”, explicou o gestor da pasta, presente durante a reunião juntamente com o secretário de Estado da Administração (Secad), Paulo César Benfica.

O último ponto debatido foi a experiência do BRB na efetivação de projetos sociais em Brasília. O banco demonstrou o seu interesse em estabelecer parcerias nessa área com o Estado do Tocantins, com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento local e regional. O presidente do BRB, Paulo Henrique Bezerra Rodrigues Costa, informou que o banco já cumpriu todas as exigências jurídicas para operar e abrir agências no Tocantins, criando, dessa forma, mais empregos e oportunidades.

Leia Também:  Tocantinenses medalhistas de ouro e prata no Campeonato Brasileiro de Muay Thai são recebidos no Palácio Araguaia

Parceria

O BRB é parceiro do Estado do Tocantins desde que foi assinado o primeiro contrato para viabilizar recursos para aplicação na obra na ponte em Porto Nacional. A primeira ponte sobre o Rio Tocantins foi construída na década de 70 e, depois de 40 anos, passou por interdições por conta da sua estrutura que necessitava de reparos e manutenção. Então, no ano de 2019, foi assinada a Ordem de Serviço para construção de uma nova ponte, que fica ao lado da antiga, visando trazer melhorias e seguridade no trânsito em uma das vias mais importantes do Estado, sobretudo para o escoamento da produção agropecuária.

A construção da nova ponte foi iniciada com receita própria do Estado do Tocantins e, com a assinatura com o BRB para liberação de R$ 149 milhões em convênio, foi possível dar celeridade aos serviços. As obras estão em andamento, ocorrendo dentro do calendário previsto pelo Estado e, desde o início da obra, já foram gerados centenas de empregos temporários envolvendo trabalhadores na construção da ponte.

Leia Também:  Justiça determina reestruturação de ala psiquiátrica do HGP

A ponte terá 1.488 metros de extensão, com mais de 20 pilares, sendo pelo menos 15 de fundação submersa. A via liga a cidade de Porto Nacional ao município de Fátima e a outras localidades do Tocantins.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA