PALMAS

Estado

Estado fortalece parceria com Sírio Libanês e ofertará cursos a profissionais da Saúde

Os cursos terão inicio em março de 2017, mas a partir de outubro deste ano, os docentes facilitadores já estarão em processo de formação.

Publicado em

A Escola Tocantinense do Sistema Único de Saúde (Etsus) em parceria com o Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio Libanês (IEP/HSL) vai oferecer TRÊS cursos de especialização com o total de 120 vagas destinadas a profissionais da rede de atenção a saúde. Os cursos terão inicio em março de 2017, mas a partir de outubro deste ano, os docentes facilitadores já estarão em processo de formação.

 

Em Palmas será ofertada a Especialização em Vigilância em Saúde com 40 vagas que serão divididas entre servidores da Secretaria Municipal de Saúde de Palmas, de cidades circunvizinhas e profissionais que atuam na gestão da Secretaria de Estado da Saúde. Já em Gurupi, em atenção a resolução da Comissão Intergestores Bipartite (CIB-TO) Nº 49/2015 serão ofertadas 80 vagas em Especialização em Regulação no SUS e Gestão da Clínica para os municípios da Região de Saúde da Ilha do Bananal e Amor Perfeito.

 

Segundo a superintendente de Gestão Profissional e Educação na Saúde, Márcia Valéria Santana, esta é a terceira vez que são oferecidos cursos em parceria com o Sírio Libanês no Tocantins. “Cada vez mais trabalhadores da rede de atenção a saúde são capacitados nos mais diversos temas, como Gestão da Clínica, Regulação do SUS, Preceptoria para o SUS, Vigilância Sanitária, Qualidade e Segurança do Paciente”, disse a superintendente, acrescentando que a formação dos docentes facilitadores também fazem parte do projeto, pois são trabalhadores que se tornam especialistas em processos educacionais em saúde. “É um grande ganho para a gestão da saúde, pois com trabalhadores qualificados podemos ofertar melhor assistência à população tocantinense”, destacou.

Leia Também:  Em Araguaína, Governador Wanderlei Barbosa apresenta programas que beneficiam o agronegócio tocantinense

 

Sírio Libanês

As gestoras de Aprendizagem do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio Libanês, Diita Fontoura e Aniara Santos, estiveram em Palmas na última terça-feira, 6, para os encaminhamentos referentes aos cursos. Segundo Aniara Santos, os cursos serão realizados com uso de metodologias ativas e inovadoras que além de agregar conhecimento, possibilitam a reflexão e mudança de práticas, por meio do desenvolvimento de habilidades e atitudes.

 

Fazem parte da Comissão Gestora dos cursos a diretora da Etsus, Laudecy do Carmo Soares, a gerente de Educação na Saúde, Raimunda Fortaleza, e a presidente da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas, Juliana Bruno. Uma nova reunião está sendo planejada para agregar mais membros à Comissão Gestora dos Cursos, quando serão convidados representantes do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems), da Superintendência de Vigilância, Promoção e Proteção à Saúde e da Superintendência de Políticas de Atenção à Saúde

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Estado

Estado do Tocantins garante liberação imediata de R$ 50 milhões com o BRB para nova ponte de Porto Nacional

Published

on

Já estão disponíveis os recursos no valor de R$ 50 milhões, que foram liberados pelo Banco de Brasília (BRB) ao Estado do Tocantins para continuidade das obras na ponte em Porto Nacional. A liberação ocorreu mediante a apresentação de toda a documentação exigida referente à medição das obras por parte da comitiva do Tocantins ao BRB, nessa terça-feira, 16, em Brasília (DF), na sede do banco.

O secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), Júlio Edstron, explica que a liberação de recursos como este pleiteado com o BRB é um processo. “Fizemos a medição e entregamos toda a documentação. As obras não foram paralisadas e seguirão o fluxo normal, viabilizadas pelo aporte repassado por nosso parceiro financeiro”, explicou o gestor da pasta, presente durante a reunião juntamente com o secretário de Estado da Administração (Secad), Paulo César Benfica.

O último ponto debatido foi a experiência do BRB na efetivação de projetos sociais em Brasília. O banco demonstrou o seu interesse em estabelecer parcerias nessa área com o Estado do Tocantins, com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento local e regional. O presidente do BRB, Paulo Henrique Bezerra Rodrigues Costa, informou que o banco já cumpriu todas as exigências jurídicas para operar e abrir agências no Tocantins, criando, dessa forma, mais empregos e oportunidades.

Leia Também:  Wanessa Sechim enfatiza ações com foco no aprendizado dos estudantes

Parceria

O BRB é parceiro do Estado do Tocantins desde que foi assinado o primeiro contrato para viabilizar recursos para aplicação na obra na ponte em Porto Nacional. A primeira ponte sobre o Rio Tocantins foi construída na década de 70 e, depois de 40 anos, passou por interdições por conta da sua estrutura que necessitava de reparos e manutenção. Então, no ano de 2019, foi assinada a Ordem de Serviço para construção de uma nova ponte, que fica ao lado da antiga, visando trazer melhorias e seguridade no trânsito em uma das vias mais importantes do Estado, sobretudo para o escoamento da produção agropecuária.

A construção da nova ponte foi iniciada com receita própria do Estado do Tocantins e, com a assinatura com o BRB para liberação de R$ 149 milhões em convênio, foi possível dar celeridade aos serviços. As obras estão em andamento, ocorrendo dentro do calendário previsto pelo Estado e, desde o início da obra, já foram gerados centenas de empregos temporários envolvendo trabalhadores na construção da ponte.

Leia Também:  Bombeiros militares combatem incêndios em veículos no sul e norte do estado

A ponte terá 1.488 metros de extensão, com mais de 20 pilares, sendo pelo menos 15 de fundação submersa. A via liga a cidade de Porto Nacional ao município de Fátima e a outras localidades do Tocantins.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA