PALMAS

Estado

MPE convoca últimos aprovados no concurso para servidores

Foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira, 1º, as nomeações dos 19 últimos candidatos aprovados no concurso público para o quadro auxiliar do Ministério Público Estadual.

Publicado em

 

Foi publicado no Diário Oficial do Ministério Público Estadual (MPE) desta quarta-feira, 1º, as nomeações dos 19 últimos candidatos aprovados no concurso público para o quadro auxiliar da instituição, realizado no ano de 2012. Dos novos nomeados, 13 foram aprovados dentro do número de vagas e seis compunham o cadastro de reserva do certame.

 

Com essas nomeações das vagas remanescentes declaradas no edital, a instituição finaliza o concurso público, cujo prazo de vigência se encerra no próximo dia 12. No total, foram oferecidas 81 vagas para cargos de nível médio e superior, sendo nomeados um total de 186 candidatos, observando-se vagas e cadastro de reserva.

 

Finalizamos mais um processo com transparência e convocando todos os aprovados para as vagas oferecidas. O número de servidores do Ministério Público ainda não é o ideal para atender toda a demanda, mas, com certeza, esse reforço vai melhorar muito o desempenho das atividades ministeriais”, ressaltou o Procurador-Geral de Justiça, Clenan Renaut de Melo Pereira.

Leia Também:  Detran apura casos de falsificação de documentos para a emissão de CNH

 

No ato de nomeação, constam 1 motoristas profissionais, quatro oficiais de diligências e dois técnicos ministeriais especializados em fotografia, e ainda três analistas ministeriais especializados em ciências jurídicas. Os novos servidores deverão ser lotados nas unidades de Palmas, Araguaína, Gurupi, Pedro Afonso e Araguaçu.

 

Todas as informações referentes ao concurso público podem ser acompanhadas por meio do site oficial do Ministério Público Estadual, no link: “https://www.mpto.mp.br/web/concursos/2012/04/03/concurso-de-2012”.

 

Nomeados

 

Nível Superior: 55

Nível Médio: 131

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Estado

Estado do Tocantins garante liberação imediata de R$ 50 milhões com o BRB para nova ponte de Porto Nacional

Published

on

Já estão disponíveis os recursos no valor de R$ 50 milhões, que foram liberados pelo Banco de Brasília (BRB) ao Estado do Tocantins para continuidade das obras na ponte em Porto Nacional. A liberação ocorreu mediante a apresentação de toda a documentação exigida referente à medição das obras por parte da comitiva do Tocantins ao BRB, nessa terça-feira, 16, em Brasília (DF), na sede do banco.

O secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), Júlio Edstron, explica que a liberação de recursos como este pleiteado com o BRB é um processo. “Fizemos a medição e entregamos toda a documentação. As obras não foram paralisadas e seguirão o fluxo normal, viabilizadas pelo aporte repassado por nosso parceiro financeiro”, explicou o gestor da pasta, presente durante a reunião juntamente com o secretário de Estado da Administração (Secad), Paulo César Benfica.

O último ponto debatido foi a experiência do BRB na efetivação de projetos sociais em Brasília. O banco demonstrou o seu interesse em estabelecer parcerias nessa área com o Estado do Tocantins, com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento local e regional. O presidente do BRB, Paulo Henrique Bezerra Rodrigues Costa, informou que o banco já cumpriu todas as exigências jurídicas para operar e abrir agências no Tocantins, criando, dessa forma, mais empregos e oportunidades.

Leia Também:  Empresário quer tomar equipamento de R$ 16 milhões e ameaça processar o Governo

Parceria

O BRB é parceiro do Estado do Tocantins desde que foi assinado o primeiro contrato para viabilizar recursos para aplicação na obra na ponte em Porto Nacional. A primeira ponte sobre o Rio Tocantins foi construída na década de 70 e, depois de 40 anos, passou por interdições por conta da sua estrutura que necessitava de reparos e manutenção. Então, no ano de 2019, foi assinada a Ordem de Serviço para construção de uma nova ponte, que fica ao lado da antiga, visando trazer melhorias e seguridade no trânsito em uma das vias mais importantes do Estado, sobretudo para o escoamento da produção agropecuária.

A construção da nova ponte foi iniciada com receita própria do Estado do Tocantins e, com a assinatura com o BRB para liberação de R$ 149 milhões em convênio, foi possível dar celeridade aos serviços. As obras estão em andamento, ocorrendo dentro do calendário previsto pelo Estado e, desde o início da obra, já foram gerados centenas de empregos temporários envolvendo trabalhadores na construção da ponte.

Leia Também:  Tocantins ultrapassa 700 mortes pelo novo coronavírus e outros 150 estão na UTI

A ponte terá 1.488 metros de extensão, com mais de 20 pilares, sendo pelo menos 15 de fundação submersa. A via liga a cidade de Porto Nacional ao município de Fátima e a outras localidades do Tocantins.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA

POLÍCIA

MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA