BRK Ambiental, respeite a população do Tocantins

Será que a diretoria da BRK possui conhecimento de tamanha irresponsabilidade cometida por este órgão?

Caros leitores, a BRK Ambiental é comandada por um grupo canadense, até aí, tudo bem. Mas nós gostaríamos de saber se o grupo canadense sabe do desrespeito que a BRK faz com a população do Estado do Tocantins. É uma situação que não deixa só o povo desassistido pela má qualidade da água em quase todas as cidades do Tocantins, mas também pelo preço abusivo que é cobrado nos talões de água.

Existem muitas famílias que não possuem condições de pagar por uma água, a qual possui uma péssima qualidade. Vamos dar um exemplo: no Luzimangues, a água é uma pura salobra. Como que os homens fortes da B.R.K não querem que as crianças cresçam sem um súbito de doença, em detrimento desta água que bebem de péssima qualidade?! Com certeza, aquelas crianças que não morrem, ficam com muitas sequelas devido a péssima qualidade da água que é fornecida pela BRK.

Nós temos que deixar bem claro para a população de Palmas que a BRK é responsável pela ETE (Estação de Tratamento de Esgoto). É de conhecimento da maioria, que a ETE do Setor Norte joga aquilo que é colhido pelo esgoto, no lago de Palmas.

Agora eu pergunto: será que a diretoria da BRK possui conhecimento de tamanha irresponsabilidade cometida por este órgão?! Toda essa atitude está fazendo com que os moradores de Palmas e regiões fiquem em estado de risco.

Desta forma, podemos observar que a BRK não tem nenhum compromisso com a saúde da população e que a mesma diretoria não possui conhecimento técnico qualificado para tamanha responsabilidade.

Agora vamos escrever sobre o preço cobrado pela BRK nos talões de água, aí sim, não podemos dizer aquilo que é cobrado é um roubo, mas podemos afirmar que as famílias do nosso Estado estão sendo assaltadas à mão armada. Não tem a mínima condição da BRK cobrar um preço tão abusivo na taxa de água e esgoto. Isso não é problema para ser discutido e resolvido em audiência pública, mas sim no Fórum da nossa capital, uma vez que crime deve ser julgado pelo Poder Judiciário. Com certeza, no dia em que chegar essa questão no Fórum, a BRK receberá a devida sanção. Agora esse colunista queria saber: Cadê a ATR (Agência Tocantinense de Regulação)?! Ela é a responsável pelas fiscalizações das consultas da BRK.

Vamos esperar que através do deputado Elenil da Penha, o presidente da ATR será convocado para dar as devidas explicações sobre o que está acontecendo com a BRK, a mesma que faz tudo que quer e da maneira que a diretoria deseja que seja. De uma coisa vocês podem ter absoluta certeza, se ATR quiser, ela consegue colocar a BRK nos eixos, escrevo isso com conhecimento de causa, pois fui diretor de fiscalização da ATR no último governo de Siqueira Campos.

População, ser é ousar ser!

FAÇA SEU COMENTÁRIO