Carlesse autoriza repasse de R$ 10 milhões para fomentar projetos da área rural

A Agência de Fomento do Estado do Tocantins, responsável pela gestão do FDES-TO, formata as linhas de crédito dos projetos, que depois será repassadas para a aprovação do Conselho Diretor, onde posteriormente iniciará a captação dos clientes interessados

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, editou o Decreto n° 6.256, que autoriza o Fundo de Desenvolvimento Econômico e Social (Fundes) repassar para o Fundo de Desenvolvimento Econômico (FDES-TO) o recurso na ordem de R$ 10 milhões para o desenvolvimento de ações voltadas ao financiamento de programas e projetos da agricultura familiar, da piscicultura, especialmente da produção de tilápia e do agronegócio. (continua abaixo)

O governador Mauro Carlesse ressaltou a importância de fomentar projetos na área rural principalmente em um contexto de pandemia. “Nesse momento tão complicado que estamos passando, o Estado não poderia deixar de olhar para o pequeno produtor e piscicultor, tão importantes para a economia do nosso Tocantins. Com os repasses que serão feitos, os produtores poderão desenvolver a produção dos seus produtos e serviços com qualidade e sustentabilidade”, ressalta. 

Governador Mauro Carlesse determina apoio à área rural durante a pandemia

A Agência de Fomento do Estado do Tocantins (Fomento), responsável pela gestão do FDES-TO, formata as linhas de crédito dos projetos, que depois será repassadas para a aprovação do Conselho Diretor, onde posteriormente iniciará a captação dos clientes interessados. 

“Nosso foco é apoiar o Governo do Tocantins dando chance aos pequenos produtores da área rural para gerarem mais emprego e renda, bem como impulsionando àqueles que foram fortemente afetados pela pandemia e assim promover o desenvolvimento econômico do nosso Estado por meio de projetos que agreguem taxas subsidiadas, bem como prazos e carências amplas”, explica a presidente da Fomento, Denise Rocha, adiantando que as taxas, os prazos e os valores para os projetos já estão sendo definidos.

Presidente da Agência de Fomento do Tocantins Denise Rocha

FAÇA SEU COMENTÁRIO