Gedeon Pitaluga é eleito na OAB com apenas 1,7% de vantagem sobre segundo colocado

Pitaluga vai comandar a partir de 2019 um orçamento milionário de uma das maiores e mais prestigiadas entidades civis do Tocantins

Em uma disputa acirrada entre três candidatos, o advogado Gedeon Pitaluga, da chapa OAB Independente, foi eleito nesta quarta-feira, 28, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins para o triênio 2019/2022.

A diferença de Pitaluga para o segundo colocado foi de apenas 58 votos (1,7%). Ele obteve 1.263 votos (36,5%), contra 1205 (34,8%) de Célio Henrique e 993 (28,7%) de Juvenal Klayber. Ao todo 3.461 advogados em Palmas e mais 14 subseções votaram.

Gedeon venceu em cinco subseções, mas foi em Araguaína que ele garantiu margem suficiente para bater os dois outros candidatos, com 258 votos contra 206 de Juvenal Klayber e apenas 109 de Célio Henrique.

Célio venceu em sete cidades, incluindo Palmas, com 638 votos  e Gurupi, com 196 votos, mas a diferença não foi suficiente para superar o segundo lugar. Juvenal Klayber venceu em três cidades do interior, Alvorada, Taguatinga e Natividade.

FAÇA SEU COMENTÁRIO