Irmãs desaparecem após contato com estranhos pelo Facebook, pais desesperam

As meninas tem 13 e 15 anos e estão desaparecidas desde a madrugada de domingo, 06

Os pais e familiares das irmãs Maria Vitoria Alves do Nascimento, de 15 anos e Heloísa Alves do Nascimento, de 13 anos buscam por noticias das adolescentes, que estão desparecidas desde a madrugada de Domingo, 06. Elas são de Cariri no interior do Tocantins, a 234 km da capital Palmas.

De acordo com o pai Mirecerio Camargo do Nascimento, após presentear as filhas com um celular, elas ingressaram em uma rede social e foram seduzidas por rapazes, marcaram um encontro pela internet e a partir de então, os pais não tiveram mais notícias das garotas. O pai afirma que antes do acontecido não houve nenhuma discussão familiar,  nem qualquer acontecimento que pudesse causar algum conflito que pudesse contribuir no desaparecimento das filhas.

Conforme o pai, ele e a mãe das crianças Rosangela Alves Teixeira, desde o desaparecimento das filhas estão viajando de cidade em cidade, mostrando fotos das irmãs, além de passar nas delegacias e Conselhos Tutelares locais, na esperança de reencontrar as filhas.

Em contato com a mãe das adolescentes na tarde desta terça, 08, até o momento ninguém havia entrado em contato e não há nenhuma pista onde as garotas possam estar ou quando foram vistas pela última vez. Os pais como informaram na reportagem, estão procurando as filhas em vários municípios, durante a tarde de hoje estavam em Araguaçu, região Sul do Estado.  

Pelas redes sociais, os amigos da família compartilham e divulgam fotos de Maria e Heloísa.

Os pais registraram boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia Cil em Gurupi, e  relatam que estão desesperados e já não sabem o que fazer nem a quem recorrer, eles pedem que caso alguém tenha noticia das duas entrar em contato pelo telefone (63) 984244558.

FAÇA SEU COMENTÁRIO