Retomada das ações de fomento ao turismo e à cultura marcam primeiro semestre de 2019

artesanato local também conquistou os visitantes do Espaço Empresarial na Agrotins

Com a criação da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), no mês de fevereiro, o governador do Estado, Mauro Carlesse, trouxe uma nova perspectiva para o setor, apliando a rede de ações e parcerias com outras pastas do Governo e diversos setores da sociedade, entre entidades empresariais, trade turístico e tocantinenses das mais variadas áreas, preocupados principalmente com a preservação histórica e cultural.

“A primeira coisa que fizemos foi reunir todo o trade para pontuar as demandas do setor”, explica o presidente da Adetuc, Tom Lyra, lembrando que a mesma rotina chegou também aos servidores da pasta, no intuito de se traçar um novo caminho para o turismo, a cultura e a economia criativa. Hoje, estas áreas são tratadas pelo Governo como prioridade, devido ao potencial gerador de emprego e renda a curto prazo.
“Foi um importante momento de aproximação com a iniciativa privada”, comemora Lyra, citando os ganhos com esta nova postura do Estado. “Graças a parceria entre Governo, Associação Brasileira de Agências de Viagem (Abav), Sebrae, Caixa Econômica Federal e prefeituras, estamos trabalhando para realizar a melhor participação do Tocantins na Abav Expo Internacional de Turismo”, adianta. A 47ª edição da feira da Abav Nacional ocorrerá no mês de setembro, em São Paulo.

Outra ação de impacto, não apenas no turismo, como demais setores da economia, foi a redução da base de cálculo do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) nos combustíveis de aviação.
Com este trunfo em mãos, o presidente da Adetuc realizou diversos contatos com empresas aéreas, tendo como retorno imediato o aumento na oferta de voos de empresas aéreas, parceria para divulgação do Estado nos voos da Emirates e, no último dia 6 de julho, a Azul estreou voo direto ligando Palmas a Recife.

Política internacional

O presidente da Adetuc também teve oportunidade de representar o Estado em vários estados brasileiros e países, sempre apresentando as potencialidades regionais. Em maio, participou da feira de turismo ITB, em Xangai, China, mantendo reuniões executivas também em Pequim, Hong Kong, Catar, Emirados Árabes e França. A ação atendeu determinação do governador Mauro Carlesse na intensificação das ações de promoção do turismo tocantinense no mercado internacional.
Tom Lyra esteve ainda em feira de turismo em São Paulo, a WTM, encontro do setor hoteleiro em Goiânia, Conotel, e representou o Estado no Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de

Turismo (Fornatur). Também retomou as atividades do Fórum Estadual de Turismo (Foestur), que permaneceu inativo por mais de um ano.
Visando conhecer de perto os atrativos do Estado e demandas de prefeitos e empresários, também visitou várias localidades, como os municípios do Bico do Papaguaio e do Jalapão, Taguatinga, Natividade, Ilha do Bananal, incluindo as etnias Javaé e Karajá, fomentando encontro inédito de lideranças Karajá com o governador Mauro Carlesse na sede do Poder Executivo.
Com relação ao fomento da temporada de praias, recebeu dezenas de prefeitos, sendo que hoje, há 46 emendas parlamentares voltadas especificamente para este período em fase de tramitação, que envolvem repasse na ordem de R$ 6,1 milhões.

Mais turismo

O setor foi evidenciado por uma série de ações realizadas no primeiro semestre. O lançamento do programa Investe Turismo, do Governo Federal, em parceria com Sebrae e estados, trouxe a Palmas o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. O Estado teve quatro municípios beneficiados pela ação, a Capital, Ponte Alta, Mateiros e São Félix, estes três últimos na região do Jalapão.
O principal cartão postal do Estado também foi sede da primeira edição do Bota Pra Correr Olympikus, competição que contou com a parceria do Governo do Estado e reuniu, entre competidores e organização, mais de 400 pessoas, gerando renda aos moradores locais, seja pela contratação direta de serviços, com a venda de artesanato ou ocupação de hotéis e restaurantes.

A Superintendência de Turismo atuou em várias outras frentes, como elaboração de projetos, incluindo o Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável (PDITS), realização de cursos e oficinas, ações de marketing, a mobilização dos municípios visando a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro, incluindo encontro no Palácio Araguaia, no mês de abril, que elevou a participação de 40 para 49 municíos tocantinenses, além do apoio a reativação/implantação de sete instâncias de governança regionais, que facilitarão o acesso aos recursos federais voltados ao desenvolvimento do setor.
A ação de inserção de empreendimentos no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos do Ministério do Turismo (Cadastur), registrou atendimento a mais de 350 prestadores de serviços turísticos.

A Adetuc, em parceria com o Sebrae, também realizou um grande evento de divulgação turística da região das Serras Gerais, que envolve oito municípios,que incluiu veiculação de informações técnicas, exposição de artesanato e comidas típicas e apresentações artísticas no Memorial Coluna Prestes.
“São ações de suma importância para o desenvolvimento do setor, que refletirão no aumento de visitantes de outros estados e países”, pontua a superintendente de Turismo, Maria Antônia Valadares.

Mais Cultura

Quando se fala de geração de novas oportunidades de trabalho e renda, economia criativa e cultura andam de braços dados. Por isso, a Superintendência de Cultura tem atuado no recadastramento de artistas de vários segmentos e no levantamento das necessidades dos municípios em relação a produção do artesanato e das tradições culturais de todas as regiões do Estado, por meio do projeto Choque Cultural.

Até julho, 22 cidades das regiões norte e sudeste foram mapeadas, por meio de visitação ‘in loco’, com roda de conversa com artesãos e gestores culturais e aplicação de questionários. O trabalho terá sequência no segundo semestre. “É papel do Estado e das prefeituras buscar as condições ideiais para o desenvolvimento e escoamento dessa produção”, defende o gerente de Fomento e Promoção da Cultura, Álvaro Júnior.

Outra ação que marcará o retorno aos grandes eventos de estímulo a produção artística regional, o projeto Sexta Cultural foi elaborado no primeiro semestre e terá seis edições em Palmas a partir de agosto, reunindo música, artesanato, gastronomia, literatura e outras manifestações culturais na praça do Memorial Coluna Prestes. Por sua vez, o Memorial voltou a ter uma agenda de atividades, que incluiu participação na Semana Nacional de Museus e a exposição em homenagem ao ex-governador Siqueira Campos, em parceria com o conselheiro do TCE, Wagner Praxedes, que atraiu cerca de 6 mil visitantes.

O fomento a participação tocantinense nas feiras de artesanato de âmbito nacional, com peças em capim dourado, fibras, madeira, sementes e muitas outras matérias-primas que compõem a riqueza da produção tocantinense é outra missão so setor. No primeiro semestre, artesãos e associações selecionadas por edital foram levados a Brasília e Pernambuco.
Em nível estadual, o artesanato local também conquistou os visitantes do Espaço Empresarial na Agrotins.

Álvaro Júnior lembra ainda que foram necessários dois meses para organizar a exposição fotográfica com o tema “Potencial turístico e cultural do Tocantins”, uma parceria entre o Governo do Estado, por meio da Adetuc, e do deputado federal Tiago Dimas, que levou 14 imagens do Estado para o principal corredor de acesso ao plenário da Câmara do Deputados.

Já a participação social, por meio do grupo Amigos do Palacinho estimulou ações importantes voltadas para a recuperação do Museu Histórico do Tocantins, o Palacinho, que abrigou a primeira sede oficial do Governo. “O prédio e seu entorno tem passado por obras que resultarão em um espaço mais democrático, com várias possibilidades de utilização, além de resguardar o acervo histórico e cultural tocantinense”, comemora a gerente de Acervos e Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural, Alline Alves Santos da Silva.

FAÇA SEU COMENTÁRIO